Durante reunião realizada na Câmara Municipal de Pontal do Araguaia, prefeitos, vereadores e deputados discutiram vários assuntos relacionados à região, como por exemplo, segurança pública, saúde, educação e infraestrutura no perímetro urbano. Porém, o principal tema debatido entre os participantes foi á conclusão dos 17 quilômetros restantes da rodovia estadual MT-100.

“Há alguns anos a população dessa região reivindica a conclusão dessa obra. A reunião foi basicamente para discutirmos sobre esse assunto, e com a força com os demais deputados vamos encaminhar um ofício para o governo do estado solicitando esse pedido”, disse o deputado Ondanir Bortolini, Nininho (PSD).

Para o prefeito de Araguainha, Silvio Moraes Filho (PSD), a Assembleia Legislativa tomou uma iniciativa importante levando os deputados aos municípios para debater com prefeitos e vereadores os problemas do interior.

“Vejo um gesto de muita grandeza, quando a Assembleia sai da Capital e vai para o interior, favorecendo os pequenos municípios com proporções gigantescas. É o povo mais perto da Assembleia com contato próximo da população com os deputados”, falou ele.

De acordo com o prefeito de Araguainha, a conclusão da MT-100 é um sonho antigo da população dos municípios que compõe o Araguaia.

“Nossa principal reivindicação é quanto aos 17 quilômetros restantes da MT-100 que liga Alto Araguaia ao Pontal. A rodovia está quase toda concluída, mas ainda tem alguns trechos que faltam terminar. Esta é a oportunidade de cobrarmos os deputados para a sua conclusão. Com isso teremos melhor qualidade de vida e um desempenho econômico promissor para nossa região”, apontou o prefeito de Araguainha, Sílvio Moraes Filho (PSD).

O deputado Adalto de Freitas (Patriota), reforçou o apoio aos prefeitos para o término da MT-100. Ele citou a união entre políticos e empresários da região para término da obra.

“A conclusão da rodovia MT-100 vai ter nosso apoio junto ao governador Pedro Taques, por que é uma reunião importante para o desenvolvimento de Mato Grosso, principalmente, com o turismo. Aqui estão representantes de todos os municípios que dependem dessa rodovia que são afetados pelas péssimas condições de trafegabilidade. É um compromisso para o Araguaia o término dessa rodovia”, destacou Daltinho.

Além dos 17 quilômetros para o término da rodovia, o prefeito de Pontal do Araguaia, Gerson Rosa de Moraes (PSD), citou que para este trecho, há outras obras para serem realizadas.

“Temos várias reivindicações para os deputados, mas a principal delas é referente ao término aos 17 quilômetros da MT-100, que precisa também, de duas pontes de concretos na mesma rodovia. Há ainda, a questão da saúde que também merece respeito por parte dos governantes, que precisamos de mais recursos”, comentou Moraes.

Ele falou que o município necessita da construção de pelo menos quinhentas novas casas para a população carente. “Há um déficit grande da falta de moradias em Pontal do Araguaia, mas, infelizmente, estamos com um projeto para somente 80 casas, que ainda é muito pouco, devido a grande demanda de moradores de Barra do Garças vindo morar aqui”, lembrou o prefeito de Pontal.

Na oportunidade o prefeito de Ribeirãozinho, Ronivon Parreira Neves (PSDB) gostou da reunião e cobrou mais vezes as presenças dos deputados no municípios do interior.

“Acho muito válido a presença dos deputados na região do Araguaia, principalmente, nos municípios considerados pequenos, porque os grandes problemas estão nessas cidades”, afirmou ele.

Porém, Neves reforçou apoio para conclusão da MT-100, que é considerada uma das principais vias de acesso do Araguaia. “É o grande gargalo dos prefeitos observarem essa obra terminada, pois há oito anos está parada. A parte que foi construída já está quase toda deteriorada”, comentou ele.

Fonte: ALMT

Comentar


Código de segurança
Atualizar